Vigilância Sanitária e Procon fecham consultório clandestino de oftalmologia

Ação da Prefeitura de Uberaba, por meio da Vigilância Sanitária (Visa) e Procon Uberaba, em conjunto com a Polícia Militar, resultou em encerramento de atividade e apreensão de equipamentos após ser identificada a existência de consultório oftalmológico (clínica de optometria) clandestino nos fundos de uma igreja no Bairro Copacabana. Conforme repassado à Folha Uberaba, a ação ocorreu na sexta-feira (11).

Segundo informações do chefe do Departamento de Vigilância Sanitária, Marcos Ribeiro, foi apurado, após denúncia, que as consultas eram realizadas por pessoa sem qualquer habilitação técnica, caracterizando exercício irregular de profissão, além de ter sido verificada a prática de venda casada (consultas e armações de óculos), causando lesões ao consumidor e riscos à saúde.

Marcos conta que foi constatado ainda que os responsáveis pela clínica clandestina cobravam preços exorbitantes e superiores à média dos valores praticados por médicos oftalmologistas e óticas licenciadas.

“A diretriz da Vigilância Sanitária é o resguardo da saúde da coletividade uberabense, razão pela qual mantemos uma central de inteligência interna para monitorar a existência de situações possivelmente causadoras de risco à saúde da população, como era o caso dessa clínica. Foi feito registro da ocorrência e os servidores da Visa e do Procon encerraram a atividade e apreenderam produtos e maquinários irregulares”, explicou o chefe da Vigilância Sanitária.

Publicidade

Anuncie