Sobe de quatro para sete as Unidades Básicas de Saúde com horário estendido

Desde o fim do ano passado quatro UBS passaram a atender até as 22 horas. Agora, este número sobe para sete, o que representa um incremento de 75%. Anúncio foi feito nesta terça-feira (28) pelo secretário de Saúde de Uberaba, Iraci Neto.

A medida está inserida no pacote de ações de fortalecimento da Assistência e Gestão da Atenção à Saúde divulgado na última sexta-feira (24). A Unidade de Saúde da Família (USF) Dr. Romes Cecílio, no bairro Morumbi; USF Roberto Árabe Abdanur, no bairro Mercês; e Unidade Matricial de Saúde (UMS) Ézio de Martino, no bairro Boa Vista, serão as próximas unidades a integrarem o Programa Saúde na Hora, com atendimento até as 22 horas, segundo Iraci. Atualmente já mantém horário estendido as seguintes unidades: UMS Professor Aluízio Prata, no bairro Elza Amuí; UMS Nossa senhora da Abadia, no bairro Abadia; UBS Waldemar Hial Júnior, no bairro Fabrício; e UMS Álvaro Guaritá, no conjunto Vallim de Melo.

A iniciativa facilita o acesso do cidadão à saúde pública, haja vista a opção além do horário comercial para atendimentos médicos, odontológicos e de enfermagem, entre outros procedimentos, como vacinação e coleta de Papanicolau nas unidades da atenção básica. 

Para por em funcionamento noturno nestas novas unidades, a secretaria de Saúde aguarda a finalização do processo de credenciamento. Enquanto isto, o secretário afirma que está elaborando cronograma de funcionamento: “Hoje {terça,28} autorizamos a contratação de profissionais e o cálculo de hora extra das futuras equipes”, explica Iraci.

Atenção Especializada – Ainda dentro do pacote de ações de fortalecimento da saúde do Município, está o aumento do atendimento de algumas especialidades à noite, duas vezes por semana, nas duas Unidades Regionais de Saúde. “Essa ampliação está dentro do Programa Municipal Renova Saúde, para disponibilizar mais médicos especialistas na Rede. Estamos em fase de processo seletivo, conforme edital”, diz Iraci.  As inscrições vão até início de fevereiro e a próxima etapa será a avaliação conforme os critérios. “Assim que o processo de contratação estiver homologado, será feita a programação de atendimentos”, completa Iraci. Já o cronograma dos mutirões de cirurgias deve ser divulgado na primeira quinzena de fevereiro, segundo o secretário.

Publicidade

Anuncie