Show com Negritude Junior encerra o projeto ‘Negro, Afirmação e Consciência’ na sexta

O grupo de pagode ‘Negritude Junior’ estará em Uberaba nesta sexta-feira (14), às 20h, na Praça da Abadia. O show finaliza o projeto ‘Negro, Afirmação e Consciência: Um Grito de Liberdade’, desenvolvido pela Coordenadoria de Políticas Públicas de Igualdade Racial da Fundação Cultural de Uberaba, com verba oriunda da Fundação Cultural Palmares. O encerramento do projeto também contará com atividades culturais durante todo o dia, com parceria da Secretaria Municipal de Educação. Toda comunidade está convidada a participar da programação.

Na tarde do dia 14, a partir das 14h, a Praça da Abadia será palco de apresentações artístico-culturais da Companhia Municipal de Dança, do Grupo Gê Percussão e do Grupo Capoeira. Alunos de escolas municipais farão parte das atividades. A abertura será com show da banda Axé Uai.

A coordenadora de Políticas Públicas de Igualdade Racial, Carmen Amâncio, explica a importância do projeto. “Temos a sensação de dever cumprido e de que conseguimos transmitir para a sociedade a verdadeira história do povo afrodescendente nesse projeto. As ações tinham o objetivo de construir cada vez mais políticas públicas culturais e de promoção à igualdade racial. Acreditamos que dessa forma, a sociedade não discrimine o negro e não mantenha o racismo, valorizando o negro e sua cultura. O negro hoje precisa de reconhecimento, valorização e condições para pleitear os seus direitos”.

Quem estiver presente também vai conhecer de perto a cultura dos turbantes, penteados, além de apresentação da companhia “Bumba Meu Boi”, casa de São Benedito, oficina de Hip Hop com o rapper Toi e o projeto “Circo do Povo na Praça”. A Feira do Empreendedorismo Negro trará comidas típicas, artes plásticas, vestuário, acessórios, artigos religiosos, estética, tranças e penteados.

Na programação, também haverá declamação de poemas com Wellington Sabino, desfile “Afro Show” da Agência Assis Model’s e apresentação musical com Thiago Neves. O encerramento do projeto também contará com uma homenagem às mulheres negras. Para isso, será entregue a medalha “Maria Carolina de Jesus” para as dez homenageadas. Depois, o show da banda Negritude Junior fecha a noite com chave de ouro.

Publicidade