Policia para quem precisa

Aproveitando o ocorrido na feira da Abadia com a Guarda Municipal de Uberaba, gostaria de tecer algumas considerações.
É comum quando agentes públicos das forças de segurança realizam algum tipo de abordagem onde haja grande numero de populares , brotarem críticas de todos os lados questionando a forma de agir dos agentes.
Pois bem, o que vemos são pessoas que sequer buscaram se informar sobre a origem da ação, que na verdade, na maioria dos casos, é uma reação.
Ha abusos e erros? Claro, não há perfeição em nenhuma classe, e também na segurança pública pode haver aqueles que cometem abusos,mas generalizar e julgar após ver apenas um lado da situação, é no mínimo má vontade.
Outro ponto:
Como deve ser uma abordagem?
A internet mesmo é palco de diversos agentes públicos sendo mortos ou feridos por não realizarem a abordagem da forma que reza a cartilha de procedimentos.
Recentemente, um vereador de Uberaba acusou militares laureados de abuso por estarem abordando um individuo com passagens e o faze-lo de acordo com as normas da corporação. O edil foi ao comando, levou imagens e denunciou o suposto abuso.
A ação foi alvo de inquérito e apuração, constatando a normalidade da abordagem.
Com todo respeito, tem gente que não vai gostar do que vou dizer:
Polícia não tem que abordar com flores, quem não deve, não tem porquê reclamar de ser abordado, ao contrário, agradece ao perceber que a policia se faz presente.
Os críticos deveriam primeiro, conhecer toda a situação que envolve a ação e depois, buscarem se informar sobre as técnicas padrões de abordagem, então verão que o que parece exagero para quem não vive o dia a dia das ruas,onde bandido não vem com etiqueta, na verdade, são cuidados para preservação da vida e integridade dos agentes e do cidadão de bem que está no entorno.
Infelizmente, algumas pessoas veem um lado da situação, escutam áudios de outros já predispostos a incitar a turba contra qualquer órgão de segurança e tornam-se instrumentos de uma revolta que atende a alguns interesses...
Quanto aos GMs estarem armados, foi exaustivamente noticiado pela mídia sobre o treinamento e capacitação dado a eles, com instrutor de renome em táticas policiais.
A propósito, os militares acusados pelo vereador em questão foram absolvidos e algumas semanas depois, o dito cidadão de bem, foi preso por tráfico ilícito de drogas.

Publicidade

Anuncie