FCU lança exposição virtual 'Cores de Minas', de Daniella Néspoli

A Prefeitura de Uberaba, por meio da Fundação Cultural (FCU) produziu a exposição virtual ‘Cores de Minas’, com obras da artista plástica Daniella Néspoli. A mostra apresenta telas que expressam a paixão e o amor pelas mineiridades, ressaltando tradições e culturas do estado. Conforme repassado à Folha Uberaba, o vídeo foi lançado nesta quarta-feira (22) e já está disponível em todas as redes sociais da fundação.

Inspirada pelo afeto por Minas Gerais, estado que a acolheu, Daniella expressa sentimentos que inspiram suas obras em memória de seus antepassados, com pinturas que retratam a vida cotidiana da população negra. Entrelaçando as temáticas, a artista concebe telas vivas, repleta de cores e nuances que falam dos Ternos de Congada, da escritora e poeta Maria Carolina de Jesus, da tradição da capoeira e da Igreja Nossa Senhora do Rosário, entre outras peças.

Com um estilo artístico que a conecta com a pluralidade do tempo, a artista pinta as culturas, cores, dores, afetos, crenças, tradições, lutas e resistências que permeiam as Minas Gerais e o povo negro. "Em meio a um contexto social de tantas angústias e incertezas, penso que a arte é a possibilidade de reacender a chama de inspiração pela vida. É uma maneira de expressar e lembrar que a resistência e a existência são feitas de esperança e afetos, coloridos pelo viver cotidiano", destacou Daniella.

Entre as obras da mostra, estão os quadros Meditação, Banho, Paulista, Capoeirista, Mãe África, Menina, Arapuca, Moleque, Abayomi, Guri, Negra do Tabuleiro, Bênção de avó, Sonho de Estrela, Origens e Iroku.

Artista plástica autodidata, Daniella Néspoli é natural de Pirassununga/SP e reside em Uberaba desde 2010. É assistente social na Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), especializada na temática Étnico-Racial, com mestrado em pesquisa da Identidade Negra Quilombola. Néspoli faz o casamento da pesquisa com a arte, caracterizada como mecanismo de resistência e expressão do movimento negro. É idealizadora da coleção de obras 'Expressões Quilombolas', dividindo seu tempo entre a pesquisa e a paixão que nutre pelas artes, especialmente nas técnicas de desenho e pintura.

A exposição virtual ‘Cores de Minas’ está disponível nas redes sociais da Fundação Cultural de Uberaba: facebook.com/culturauberaba, Instagram @culturauberaba, youtube.com/culturauberaba, e será distribuída, também, pelo WhatsApp.

Publicidade

Anuncie