COLUNA TÚLIO REIS

Marco Túlio Oliveira Reis – mtoreis@hotmail.com



Lixo
Passados mais de 60 dias de governo e o super ministro Sérgio Moro, o “homem carta-branca” do Bolsonaro, ainda não mostrou a que veio. Nenhum projeto decente, nenhuma medida importante, nenhuma ação impactante contra o crime, nada, nada, nada. Por outro lado já flexibilizou seu conceito sobre caixa dois, silenciou-se sobre crimes de seus colegas de governo, foi publicamente ridicularizado quando mostrou não autonomia nem para nomear membro de conselho consultivo. Se não sair sua tão sonhada vaguinha para o STF, aliás, talvez seja esse o motivo de tanta movimentação para impeachment de ministros, vai entrar para o lixo da história.  

Mobilizar
Se o povo brasileiro não brecar as incursões funestas tentadas pelo governo, a única esperança para os pobres em final de vida restará exterminada. Contra a “reforma da previdência” urge uma mobilização popular sem tréguas. Por todo o país, após a letargia pós eleitoral, vozes se levantam contra essa reforma proposta, pelo fim dos privilégios de agentes políticos e determinadas categorias, em defesa intransigente da dignidade dos trabalhadores e trabalhadoras brasileiros!

Reforma da previdência

Claro que o sistema de previdência brasileiro precisa de urgente reforma. Mas como o próprio nome indica, reformar é melhorar, racionalizar, potencializar, tornar mais adequado e mais condizente com sua finalidade. Não é isso que o governo propõe. O que está em discussão é a extinção de qualquer possibilidade de guarida futura ao trabalhador assalariado. Ser contra esta proposta é ser coerente com a função social da previdência.

Poço sem fundo
Quando você acha que o governo Bolsonaro já terminou a série de impropérios e agressões à inteligência e razoabilidade, eis que a boçalidade é facilmente superada. O Ministério da Educação teve uma semana movimentada. Em dois dias, o ministro Ricardo Vélez Rodriguez apresentou dois secretários executivos para a pasta. A última e ainda não definitiva é a pastora evangélica Iolene Lima.

Visão Cristã
Logo após o anúncio, passou a circular pela internet um vídeo polêmico onde Iolene, a pastora, é contra a educação laica e defende um ensinamento baseado nos princípios de Deus. No vídeo, a talvez futura secretária executiva, afirma que “a geografia, a história e a matemática vão ser vista sob a ótica de Deus, em uma cosmo visão cristã”.

O autor da história
A provável número 2 do MEC afirma que utiliza um método chamado de “educação por princípios”. “O autor da história é Deus. O realizador da geografia é Deus. Deus fez as planices, o relevo e o clima. O maior matemático foi Deus. Todas as disciplinas do currículo escolar são organizadas sob a ótica das escrituras”, disse.

Maior compromisso
Mais um anúncio feito pelo governo Paulo Piau (MDB) assegura a esperança de dias melhores para os milhares de desempregados da cidade e região. Dessa vez a “promessa” vem de uma cervejaria. O Grupo Petrópolis, fabricante entre outras da cerveja Itaipava afirma que instalará uma unidade de produção em Uberaba, gerando mais de 800 empregos diretos.

Empregos
Somados aos mais de 6 mil empregos da fábrica de Amônia, outros milhares gerados elas empresas que virão com o gasoduto, as centenas vagas criadas pela parceria prefeitura Mosaic, e outros anúncios de mirabolantes conquistas do governo de Paulo Piau, o PIB de Uberaba vai crescer mais do que da China.

Engenharia
Da minha parte regozijo-me e vibro com notícias auspiciosas, mas por hora, já ficaria muito feliz fosse anunciado pelo prefeito, a contratação de uma pequena empresa de engenharia, que gerasse mera meia dezena de empregos, para tapar as crateras que tomam conta das vias públicas e corrigir as lambanças do Parque Aquático do Calçadão da Artur Machado.    

Consumidor
Não bastasse multa milionária aplicada pelo Procon por privação de serviço de internet a seus clientes, a empresa Algar Telecon, uma das campeãs de reclamação no órgão, deverá experimentar uma avalanche de ações individuais indenizatórias. Contratado por um grupo de consumidores, advogado Sebastião Severino, especialista na área e ex-presidente daquela instituição elaborou parecer técnico reconhecendo o direito dos clientes lesados.

Lançamento
Homicidas em Série é o título da obra em 2 volumes, de autoria do professor Rubens Correia Júnior, lançada na tarde de sexta, 15, na Livraria Lemos e Cruz.  As peculiaridades e características dessa psicopatologia são desvendadas pelo autor de maneira objetiva e instigante. Os livreiros Fabiana Ferreira, David Lemos e Cristiano Rocha foram responsáveis pela recepção aos convidados e amigos do autor.

Doodle
Em 14 de março de 1914 nascia na vizinha cidade de Sacramento Carolina Maria de Jesus, uma das primeiras e principais escritoras negras do país. Publicado pela primeira vez em 1960, Quarto de Despejo - diário de uma favelada é um de seus livros mais expressivos, onde narra a realidade do cotidiano dos moradores de cortiços no Brasil. O Google não esqueceu a data e homenageou a escritora sacramentana através de seus tradicionais Doodle.

*Marco Túlio Oliveira Reis é advogado OAB/MG n.º 60.364; jornalista Registro Profissional n.º 16.609/MG.

Publicidade

Anuncie