Cohagra recebe mais de 70 denúncias sobre uso ilegal de imóveis do Minha Casa Minha Vida

Nos últimos 60 dias as informações foram recebidas e apuradas pela fiscalização e ouvidoria da Companhia

 

A Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande (Cohagra) mantém permanente fiscalização de imóveis, especialmente sobre os quais recaem denúncias de irregularidades. Tal trabalho resultou nos últimos anos na retomada de mais de 400 unidades do Programa Minha Casa Minha Vida. Conforme repassado à Folha Uberaba, somente nos últimos 60 dias foram recebidas pela Ouvidoria da Cohagra 77 denúncias. Todas foram verificadas e nove confirmadas com a detenção de algum tipo de irregularidade, segundo a responsável pelo controle interno e ouvidoria da Cohagra, Marcela Brock.

De acordo com ela, o relatório será encaminhado às instituições financeiras responsáveis pelos financiamentos para adoção das providências cabíveis.

O presidente da Companhia, Ernani Neri ressalta que o número de denúncias aumentou durante a pandemia de Covid-19. “Estamos trabalhando incansavelmente para que situações ilegais não fiquem impunes, porém, ressaltamos que a quantidade de situações inverídicas está alta o que prejudica o trabalho da equipe da Ouvidoria e Controle Interno. Nosso trabalho continua e nossa equipe está preparada para manter a fiscalização e apuração das denúncias”, salienta o presidente.

Quem tiver informação sobre uso ilegal de imóveis do Programa Minha Casa Minha Vida como venda ilegal, locação,  abandono dos imóveis ou outras situações irregulares pode contatar pelo e-mail ouvidoria@cohagra.com.br, pelo telefone 3326-3100 ou pelo site http://www.cohagra.com.br.

Publicidade