Centro Municipal de Diabetes e Hipertensão é inaugurado em live nesta quarta (8)

Unidade atenderá pacientes diabéticos, hipertensos de difícil controle e obesos mórbidos encaminhados pela Atenção Básica

A Prefeitura de Uberaba, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, inaugurou o Centro Municipal de Diabetes e Hipertensão (Cemdhi) nesta quarta-feira (8) através de live pelo Facebook da PMU. Conforme repassado à Folha Uberaba, a ação aconteceu de forma virtual, respeitando as diretrizes de distanciamento social devido à pandemia da Covid-19. O Cemdhi fica na Praça Augusto Lemp, 750, Mercês, onde funcionava a Unidade Regional de Saúde (URS) Mercês.

A unidade irá atender hipertensos e diabéticos de difícil controle e obesos mórbidos encaminhados pelos médicos das unidades da Atenção Básica, trabalhando a prevenção e o cuidado para evitar o agravamento das doenças. Isso significa manter o paciente nas Unidades Básicas de Saúde, de forma que os problemas do mesmo não evoluam, precisando de atendimento de alta complexidade nas Unidades Regionais de Saúde (URSs), Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e hospitais.

O prefeito Paulo Piau agradeceu a todas as autoridades envolvidas e destacou que a entrega do Centro Municipal de Diabetes e Hipertensão veio em um momento essencial. “O Cemdhi é muito importante pensando nessas pessoas com doenças crônicas, pois é um preventivo para evitar agravamentos, inclusive a Covid-19, que é mais perigosa para pessoas com hipertensão e diabetes. Então, com certeza vai salvar muitas vidas”, ressaltou o prefeito.

O Cemdhi contou com um investimento de R$ 750 mil reais de emendas do deputado federal Franco Cartafina para custeio e compra de equipamentos e cerca de R$ 100 mil de recursos próprios da Prefeitura.

O deputado Federal Franco Cartafina participou da solenidade e destacou que o valor de R$750 mil reais irá custear insumos e equipamentos para a unidade. Ainda segundo ele, todo recurso liberado é discutido com o secretário de saúde de Uberaba para encaminhar as verbas para os setores que precisam. “Temos tido muito resultado, fruto de um esforço grande do governo municipal. Só para a Saúde, são praticamente R$15 milhões de reais em verbas, sendo que R$7 milhões já estão na conta e os outros ainda vão chegar para oferecer uma saúde de qualidade para a população”, pontuou o deputado.

Também participaram da inauguração do Cemdhi a primeira dama de Uberaba Heloísa Piau, o vereador Samuel Pereira, representando a Câmara de Vereadores e o reitor da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) Luiz Fernando Resende dos Santos Anjo e colaboradores da unidade.

Atendimentos. O Secretário de Saúde, Iraci de Souza Neto, explica que o Cemdhi, entregue nesta quarta, já está funcionando, mas não é uma unidade de porta aberta. O Cemdhi é uma unidade referenciada, ou seja, o paciente só vai ser atendido lá a partir de um encaminhamento da unidade básica, caso ele precise atendimento mais complexo.

“É um trabalho de retaguarda e assessoria, principalmente, para as unidades básicas de saúde, junto às equipes de saúde da família na orientação e na capacitação de conhecimento em relação a especificidade da diabetes, hipertensão e principalmente da obesidade”, relata Iraci.  A partir de segunda-feira (13), o Cemdhi já conta com uma agenda de mais de 200 pessoas, dentro da capacidade de atendimento de área da unidade. “São mais de 200 diabéticos que são insulino-dependentes, que aferem a glicemia todos os dias, para iniciar esse monitoramento, acompanhamento e trabalho de estabilidade e de prevenção ao mesmo tempo”, complementa.

Publicidade