Anddre Mafra apresenta repertório indie-folk e experimental em live da Fundação Cultural

A atração desta sexta-feira (09) do circuito de lives da Fundação Cultural de Uberaba é o cantor e compositor Anddre Mafra, que se apresenta às 19 horas, no Youtube da FCU. Conforme repassado à Folha Uberaba, a autarquia realiza transmissões ao vivo com profissionais do segmento que estão inscritos no edital de cultura de 2019.

Anddre Mafra é músico independente, cantor e compositor, com formação em Produção Cultural pela Fundação Itaú Cultural. Também trabalha com marketing, mídias digitais e produção musical. É formado na Berklee College of Music, faculdade de música em Boston, nos Estados Unidos. Anddre é de Ribeirão Preto, em São Paulo, mas, atualmente, mora em Uberaba.

Descrito como um artista que apresenta uma estética que “une reflexões pessoais com loops de voz, violão, guitarra, batidas eletrônicas e efeitos”, Anddre Mafra vai do indie-folk ao experimental de maneira intimista. Sua apresentação musical é a de “uma banda de um homem só”. O EP “Vou Dizer Que Sou Fe­liz (VDSF)”, seu primeiro projeto autoral, foi produzido por Marcos Paulo Guimarães e lançado em 2019. Esse é o primeiro registro fonográfico do cantor, abordando os pilares do seu trabalho: liberdade, amor e autoconhecimento.

Anddre apresentou o EP “Octopios” em agosto de 2020, primeiro trabalho em que o artista fez as melodias, letras e todo processo de produção. “O EP inteiro foi gravado e produzido por mim durante esse período de quarentena em minha casa, após minha mudança para Uberaba”, conta.

Ele explica que ''octopios'' é uma brincadeira com o fato de realizar todo o processo sozinho, por isso o 'polvo'/'octopos', como representação de múltiplas funções. “Além disso, a palavra 'ópio' vem com o sentido de 'relaxamento' e 'tranquilização' perante a tudo que estamos vivendo”.

O artista traz toda a sua experiência musical para a live de sexta-feira para começar bem o fim de semana. O repertório é composto, principalmente, pelos seus trabalhos autorais, ou seja, composições de indie-folk, gênero que combina as melodias de guitarra acústica da música tradicional com uma instrumentação contemporânea. Acesse a transmissão no youtube.com/culturauberaba às 19 horas.

Publicidade

Anuncie