Vereador questiona atraso na inauguração de escola por causa da Cemig

O vereador João Gilberto Ripposati (PSD) está cobrando do Estado e da Cemig a ligação de energia elétrica na Escola Estadual Francisco Cândido Xavier. A instituição de ensino, que fica situada no Loteamento Cândida Borges, bairro Beija Flor III, deveria ter sido inaugurada no início deste ano.

Ripposati já havia encaminhado um requerimento ao governador Fernando Pimentel, solicitando providências junto a Cemig, para o redimensionamento de energia para a escola, uma vez que a oferta gerada para aquela região não é suficiente para atender a demanda. Na última quinta-feira (31) o vereador se reuniu com a superintendente regional de Ensino, Marilda Ribeiro, para a qual expôs sua preocupação com a demora na inauguração da escola, que vai beneficiar muitas famílias residentes naquela região.

A superintendente explicou ao parlamentar que o único entrave para a inauguração é a ligação da energia elétrica, que deveria ter ocorrido no final do ano passado. Se não fosse por este motivo, a Francisco Cândido Xavier já estaria funcionando desde o início do ano letivo.

A superintendente garantiu a Ripposati que está fazendo o possível para resolver o problema, e assim que for possível vai marcar a data da inauguração.  

Publicidade