Vereador participa de evento de conscientização do autismo

O vereador Franco Cartafina (PHS), autor da lei que criou o Dia Municipal do Autismo em Uberaba, participou neste domingo, 15, da quarta edição do Piquenique pela Conscientização do Autismo, promovido pelo Grupo de Apoio dos Autistas Laço Azul. Além do piquenique, a ONG também já realizou passeatas com o propósito de confraternizar e mostrar à população que o autista também gosta de se divertir, de se interagir e de estar entre as pessoas.A diretora da ONG Laço Azul, Luiza Coelho, explica que realizam o piquenique para divulgar o trabalho que realizam diariamente, como as oficinas, palestras informativas, eventos de acolhimento, debates entre profissionais relacionados autismo, entre outras. "E, além de divulgar, queremos chamar a atenção da sociedade, sobretudos dos nossos governantes”, frisa.

O Laço Azul começou com caminhadas pequenas e as reuniões aconteciam na casa de amigos. Agora, a ONG possui um espaço, com salas, projetos. O autismo, de acordo com Luiza,  ainda é uma questão que precisa de muito debate, pois existe um preconceito enorme. A inclusão social e escolar não está satisfatória e é preciso debater o acolhimento dos autistas adultos, de residências assistidas que não existem. "Precisamos falar sobre uma saúde mais especializada, o tratamento, uma equipe multidisciplinar, é preciso batalhar bastante para conscientização e os governantes olharem para a nossa causa”, revela.

Franco comenta que já está pronta a documentação para que a ONG seja declarada de Utilidade Pública, próxima ação dele para beneficiar o Laço Azul, que é mantida com a ajuda de doações, inclusive com a realização de um bazar de roupas e outras peças para conseguir recursos.  Com a utilidade pública, que é o reconhecimento do poder público de que a instituição, em consonância com o seu objetivo social, é  sem fins lucrativos e prestadora de serviços à coletividade, a ONG poderá inscrever-se em editais e apta a obter recursos públicos. 

 

Publicidade