SRU e CONSER recebem autoridades para debater Segurança Pública

Na reunião promovida pelo Sindicato Rural de Uberaba e Conser – Conselho de Segurança Rural de Uberaba estiveram presentes deputados federal e estaduais, vereadores, representantes das Polícias Civil, Militar, Rodoviária Federal e Bombeiros, Ministério Público, MGO Rodovias, ANTT, DNIT, Senar Minas, Emater-MG, ABCZ, ACIU, SICOOB, CERTRIM, SEDESE, AUARC e produtores rurais. O Poder Judiciário também foi convidado, mas, nenhum de seus representantes compareceu.

O tema do encontro foi à segurança pública e o aumento dos crimes em rodovias com sequestro seguido de roubos.

Só no segundo semestre deste ano foram 71 registros de roubos em nossa região, com vítimas passando por algum tipo de tortura e ainda tendo todos os pertences levados pelos bandidos.

“Como tivemos muitas queixas de produtores e um grande número de incidentes nas rodovias que cortam Uberaba, convocamos todos os setores que estão envolvidos direta e indiretamente com o segurança pública, para discutir e propor ações efetivas para melhorar as questões relacionadas ao assunto, atitudes estas que afetam toda nossa região. Já realizamos outras reuniões que trataram de segurança, mas esta ganhou ainda mais força, já que o Ministério Público, com o promotor Carlos Valera se fez presente.”

Dentro da pauta proposta, além das questões relacionadas aos roubos e furtos nas rodovias, os participantes ainda falaram sobre a relação entre as forças de segurança pública, poder judiciário e Ministério Público; recursos para segurança e investimentos em tecnologia e a implantação da Brigada de Incêndio para prevenção e combate aos incêndios florestais.

Segundo o Promotor Carlos Valera, responsável pela Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Meio Ambiente do Triângulo Mineiro e Baixo Rio Grande, ele acredita no formato onde todas as entidades públicas e privadas estão em busca do bem comum.

“Nós temos um país extremamente desigual, onde o sistema de segurança como um todo ‘peca pela eficiência’, então, nós temos trabalhar em todos os pontos para melhorar as questões de segurança pública. Parabéns ao Sindicato Rural e ao Conser pela reunião. Fiquei muito satisfeito porque saímos com ações objetivas, ou seja, algumas demandas ficaram a cargo da Polícia Militar, outras da Polícia Civil, do Ministério Público e também do Sindicato Rural. Tenho certeza que após todos cumprirem o que foi colocado, teremos mais reuniões, que serão levadas a outro patamar, e assim, vamos modificar o estado dos fatos.”

Durante a reunião falaram o Delegado Heli Andrade, o vereador Luiz Dutra e os Deputados Marcos Montes, Tony Carlos e Antônio Lerin.

Os parlamentares se comprometeram a unir forças para ajudar as Polícias Militar, Civil e Rodoviária, com articulações junto aos governos federal e estadual e com o incremento de verbas que podem ser investidas no aumento do contingente e em tecnologias.

O Comandante da 5ª Região de Polícia Militar Coronel Lupércio Peres apresentou os projetos de TI (Tecnologia de Informação) e comentou sobre as mudanças que estão previstas para Uberaba e região.

“Há cerca de 3 semanas, mesmo antes dos acontecimentos mais gravosos, estivemos em Brasília na busca de recursos, que não soluciona tudo, mas que é a ponta do iceberg para que possamos ter mais resultados. A perspectiva é que sejam liberados R$ 15 milhões para o Triângulo Mineiro para investimentos em segurança pública e dar maior qualidade nos projetos que estão em andamento. Trouxemos estas informações nesta reunião que foi provocada pela sociedade e, isto é de extrema importância, porque quando a sociedade civil se organiza e começa a buscar soluções para questão de segurança pública a chance de dar certo é ainda maior.”

Publicidade