Piau vai a BH para discutir projeto de infraestrutura ferroviária para o Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba

Projeto Anel ferroviário de Uberaba será objeto de estudo junto a universidades, Agência Regional de Desenvolvimento Econômico e Sebrae

Prefeito Paulo Piau em agenda, nesta quarta-feira (14), em Belo Horizonte reuniu com o diretor presidente da VLI Logística, Humberto Freitas, e depois com deputados mineiros para apresentação do Plano Estratégico Ferroviário para Minas Gerais. A pauta do Plano Estratégico Ferroviário foi apresentada pelo deputado estadual João Leite, presidente da Comissão Extraordinária Pró-Ferrovias Mineiras da ALMG, visando à realização de operações urbanísticas no transporte ferroviário de cargas e de passageiros no estado e que Uberaba e região podem ser contempladas. Esta reunião contou com a presença do presidente da ALMG, deputado Agostinho Patrus.

“Tratar de assuntos de interesse de Uberaba e região precisa ser sempre agenda do prefeito. Tive uma conversa produtiva com o Humberto Freitas em relação ao fortalecimento do DI3. Claro que iniciei conversa sobre a apresentação do Plano Ferroviário para Minas, visto que o aumento de 36% de carga geral transportado em ferrovia foi incrementado por conta do terminal da VLI em Uberaba, o que é significativo em nível de estado” comenta.

Sobre a apresentação do Plano Estratégico Ferroviário para Minas Gerais, Piau falou que o escopo está sendo conduzido pelo secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Marco Aurélio de Barcelos Silva, e a Assembleia traz esse assunto visto que a concessão pública das ferrovias do Brasil foi antecipada, o que entra recurso, e Minas precisa se posicionar, buscar o seu lugar. “É oportuno para colocar nossos projetos em pauta. Vamos colocar o anel ferroviário de Uberaba dentro desse contexto para candidatar a recurso para implementar uma obra dessa natureza. Por exemplo, Uberaba a Peirópolis, um sonho nosso, além dos 16km da Palestina até o Rio Claro que interliga o ramal Vitória-Minas com Brasília-Santos. Então vamos fazer nosso estudo, vamos chamar as universidades, dentro do escopo da Agencia Regional do Desenvolvimento Econômico, junto também ao Sebrae, visando a construção de um plano de logística de transporte visando os quatro modais, ferroviário, rodoviário, hidroviário e aeroviário. Agenda positiva que trará bons frutos à nossa cidade e região”, pontua Piau.

Por fim, com secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Marco Aurélio de Barcelos Silva, Piau tratou de assunto de Uberaba, sendo, gasoduto, Agencia Regional de Desenvolvimento Econômico, das PPPs iluminação e fotovoltaica. “Claro que na pauta o Aeroporto Internacional de Cargas e Passageiros, pontuando que Uberaba precisa de investimentos, o que será importante também para Minas Gerais” finaliza.

Publicidade