HC-UFTM levou atendimentos de saúde a idosos institucionalizados

O Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro participou, na sexta-feira, 10 de novembro, da ação Ebserh Solidária, desenvolvida por 38 hospitais universitários federais vinculados à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares. A iniciativa consistiu em um mutirão nacional de atendimentos, direcionado para públicos com dificuldade de acesso aos serviços de saúde, nas cinco regiões do país.

Em Uberaba, as atividades aconteceram no Lar Acolhida São Vicente de Paulo, das 7h às 16h. Os idosos que residem na instituição passaram por avaliação médica e tiveram sangue coletado para realizar hemograma e exames de hormônio estimulante da tireoide, contagem de vitamina B12, sódio, ureia, potássio, creatinina, proteínas totais e frações. Os resultados serão emitidos pela Unidade de Laboratório de Análises Clínicas e Anatomia Patológica do HC.

“Também houve testes cognitivos, avaliação do risco de quedas e triagem de eventuais problemas auditivos. Cuidados estéticos e de higiene, bem como atividades recreativas, focaram o conforto e a autoestima dos participantes”, enumera a gerente de Atenção à Saúde do Hospital de Clínicas, Geisa Perez Medina Gomide.

O terapeuta ocupacional Paulo Estevão Pereira conta que o exame de estado mental buscou rastrear funções básicas de orientação temporal, espacial, memória e cálculo. Já a capacidade de caminhar e manter o equilíbrio foi objeto de atenção de testes prognósticos de mobilidade. Nathallie Cezário, educadora física, aponta como exemplos os exercícios de sentar e levantar, controle de postura e step alternado.

 

Humanização

“Enquanto isso, a triagem de déficit auditivo buscou relacionar a existência do problema a restrições para a rotina e impactos emocionais”, relata a fonoaudióloga Júlia Chiossi. Os atendimentos médicos incluíram exame físico, de pressão e frequência cardíaca. “Quando encontrada alguma alteração, foi preparado direcionamento para consulta no HC”, complementa o cirurgião torácico João Paulo Vieira dos Santos.

Para o diretor do Lar Acolhida São Vicente de Paulo, Paulo Roberto Queiroz, a ação Ebserh Solidária foi uma excelente oportunidade para aumentar a qualidade de vida dos 54 idosos institucionalizados, oferecendo saúde e contato humano. O Lar, que tem 115 anos de existência, abriga moradores de até 97 anos de idade, sendo oito acamados e 20 cadeirantes.

“O evento também contou com música, dança e jogos, conduzidos pela Liga Acadêmica de Humanização Sarakura e pela Associação dos Voluntários do Hospital de Clínicas - AVHC -, além de sessão de corte de cabelo e barba, cuidados com as unhas e doação de kits contendo cosméticos e itens de higiene”, conta Mirtes Helena dos Reis, membro da organização.

No total, mais de 60 profissionais, acadêmicos e residentes participaram da ação, abrangendo áreas como Medicina, Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional, Educação Física e Técnicos de Laboratório.

 

Publicidade

Anuncie