Escola Municipal representará Uberaba na Conferência Estadual Infantojuvenil pelo Meio Ambiente

Escola Municipal Professora Stella Chaves, representada pela aluna Eduarda Naves e pela professora de Ciências, Ana Paula Zanoli, viajam hoje para Belo Horizonte para participarem da Conferência Estadual Infantojuvenil pelo Meio Ambiente, com o trabalho intitulado “Cuidar, reciclar, empreender, renovar”. Dentre 853 municípios, somente 43 foram selecionados e Uberaba é uma das poucas cidades da região a apresentarem a proposta no evento.

As 31 escolas municipais de ensino fundamental de Uberaba desenvolveram projeto em relação ao tema “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”, realizando conferências internas e municipal para a escolha de quatro trabalhos. Um deles foi selecionado para a etapa estadual e, em BH, serão escolhidos os representantes para a Conferência Nacional, em Junho.

A professora Ana Paula conta sobre o empenho da direção da escola e da professora referência, que cuida dos Grupos de Liderança, na elaboração e prática do projeto. “Não imaginamos que iriamos chegar tão longe, mas pela relevância do nosso projeto, acredito que tenha chamado a atenção”. Ela explica que a escola fica perto do Rio Uberaba e constatou-se, por meio de pesquisa para o trabalho, que o óleo de cozinha era descartado incorretamente. Com a execução do projeto, haverá conscientização e melhor utilização e descarte desse produto.

Além disso, há uma gincana sendo realizada para a coleta de materiais recicláveis, em que a turma vencedora receberá uma premiação. A professora, entusiasmada, ainda conta que houve mobilização das famílias para a ação na escola, que é o grande objetivo do projeto, envolver a comunidade e realizar a atividade fora dos muros da escola.

“Nossa escola está toda engajada e os alunos empenhados em fazer o bom uso dos recursos recicláveis. Cuidando da escola, do bairro, poderemos fazer com que eles tenham criticidade e pensem com sustentabilidade”, completa.

Durante a conferência, as cidades apresentação o projeto a avaliadores, que poderão escolher o melhor representante de Minas para participar do evento nacional.

Eduarda Naves, a responsável por explicar o projeto em BH diz que está muito feliz por ter sido selecionada. “Trabalhamos muito em cima do tema. É o melhor jeito de aprender”, ressalta.

Publicidade

Anuncie