Coluna Mozart Jr.





Palavras
“Não te iludas... Tuas interpretações não mudará o sentido real das coisas, muito menos o significado verdadeiro das palavras proferidas.”
Keyla Débora

Caminhos
A semana foi marcada por uma discussão que causou tumulto na Câmara Municipal, a votação do aumento dos servidores da prefeitura. O que ficou evidente é que transferiram a negociação para o plenário, quando o correto seria isso ter sido feito entre o sindicato, desgastado nesse episódio, o legítimo representante dos servidores e o executivo.

Postura
Alem do já esperado show de horrores propiciado pelas discussões estéreis e personalistas, tivemos também uma postura, a meu ver, exageradamente agressiva por parte dos representantes do executivo presentes, beirando a arrogância...

Arte
Sempre comento a importância de que pessoas que façam opção por seguir caminho na vida pública, precisam compreender o que envolve essa arte e a diplomacia e capacidade de articulação são fundamentais. Acho que isso esteve ausente em alguns momentos.

Errado ou certo?
Uma coisa é certa, o clamor por um índice maior é justo e merecido, porém, coisas da política, a decisão de atrasar a definição apesar de a mais simpática aos olhos de todos e correta do ponto de vista do papel dos vereadores, acarreta sim, em prejuízo para alguns que já estavam conformados com o que foi decidido e contando com o aumento.

Rumos
Fica cada vez mais clara a escolha dos caminhos a serem trilhados rumo à eleição do ano que vem. Além dos episódios recentes envolvendo alguns vereadores e executivo, a viagem a Brasília dos edis Thiago Mariscal e Ismar Marão, deixou evidente as direções apontadas.

Escolhas

Mariscal cada vez mais se colocando como oposição ferrenha, escolheu o deputado Andre Janones e inclusive foi acompanhado de apoiadores do parlamentar aqui. O histórico do deputado tijucano tem muito em comum com a forma adotada nos posicionamentos do vereador... Por outro lado, Ismar esteve buscando uma pauta mais “positiva” com o deputado uberabense Franco Cartafina e também esteve com o secretário do Ministério da Agricultura Marcos Montes buscando recursos para a municipalização do CEASA.

Justo

A escolha tanto de um quanto de outro são acertadas de acordo com as escolhas feitas no sentido de caminhos para 2020. A resposta à expectativa tanto com o governo Bolsonaro, onde uma avaliação positiva será favorável ao grupo ligado a MM e aquela ligada a postura de Janones, em como ela se desenvolverá ao longo do mandato, serão determinantes para se saber qual o caminho escolhido esta melhor pavimentado...

Assessoria
Uma questão presente em várias discussões é a da quantidade de assessores de políticos, acho que mais importante que quantidade é a qualidade. O secretário de saúde Iraci Neto tem sido atacado nas redes sociais porque, segundo os reclamantes, não suporta críticas e bloqueia quem as faz... Segundo as informações que apurei, a conta do secretário seria administrada por assessoria... Falei disso já aqui e comentei em nosso programa com o Paulo Garcia, o jornalista Juca Kfouri, um dos mais respeitados da área esportiva, falou que não acompanha suas próprias redes sociais, e orienta os responsáveis a não polemizarem com quem comenta, “deixa xingar, criticar” disse ele...

Coragem
O vereador Thiago Mariscal lançou um desafio dizendo que em três meses a frente da saúde na cidade ele resolveria grande parte dos problemas, confesso que gostaria de ver o prefeito aceitar esse desafio. Em meu modo de ver, de duas uma, ou ele mostraria o que está errado e sairia forte, porem colaboraria com o prefeito e principalmente com o município, mostrando onde está o erro, ou ele mesmo descobriria que está equivocado em sua percepção e mudaria sua postura em relação às criticas... E aí? Vai encarar?

Postura
Por falar em programa, que é aos sábados das 12 as16 horas na Terra FM, o desse sábado promete. O vereador Fernando Mendes vai falar sobre a polêmica com o poder executivo e sobre sua pré candidatura à prefeitura.

Sugando
O governador Romeu Zema que “deitou e rolou” durante a campanha usando o “carrapato maior que a vaca” pra falar do excesso da presença do estado na vida dos mineiros que querem produzir, tem visto sua credibilidade ser sugada de forma tão perigosa quanto aquela feita pelo parasita. Tem tempo integral fechado e planos de voos escancarados na imprensa nacional, com isso o novo vai ficando muito parecido com seus alvos.. E tenho dito, o desempenho do novo que veio pela ânsia de novidade, será decisivo na definição das eleições do próximo ano. Caso o Novo ou mesmo Bolsonaro, não atendam esses anseios, a experiência será a pedida da vez...

Reserva de mercado
Causou espanto nos meios ligados a saúde a celeuma envolvendo a Unimed. Com denuncia divulgada até nas redes sociais, a cooperativa é acusada de estar ameaçando clínicas e profissionais de descredenciamento caso assinem com recém chegado plano de saúde.  A denúncia já havia chegado há alguns dias e se confirmou com a publicação de clínica oftalmológica que foi descredenciada pela cooperativa.

Coincidência
O ex-prefeito Anderson Adauto foi tema de discussão em várias rodas politicas após se manifestar sobre a eleição de 2020. Uma coincidência chamou atenção nesse episódio, AA volta a cena exatamente quando a discussão do salário dos funcionários da prefeitura está no centro da cena política local. Essa coincidência, a meu ver, não é lá muito positiva para o ex-prefeito, afinal, se tem uma coisa em seu governo que não deixou saudades é exatamente o tratamento dispensado ao funcionalismo. O próprio Anderson reconheceu isso quando o entrevistei há cerca de dois anos e meio.

Por onde anda você...
Aliás, parece que teremos um repeteco de cenas anteriores, varias figuras sumidas da Zebulandia devem começar a reaparecer no cenário local. O interessante nisso é que Uberaba pode ser uma cidade ótima para governar, mas não é boa para morar sem poder... ou entendi errado?

Será
As redes sociais criaram um novo jeito de interação, isso é fato. Porém, vemos também muitas pessoas utilizando as redes para ataques guiados quase sempre pelos próprios interesses. Há um agravante muito sério nisso, a ânsia por curtidas ou pelo  óculos do Turn down for what , As vezes as pessoas esquecem que do outro lado tem outro ser humano...

Partidos
Sempre falei que para mim esse tanto de partido no Brasil nunca passou de sopa de letrinhas, sem compromisso ideológico nenhum e nos últimos dias falou se muito sobre a situação de vários partidos aqui em Uberaba, vou falar uma coisa ate fugindo da minha costumeira isenção, é um absurdo o que acontece por aqui, tem partido que não passa de mercadoria e tem presidente de partido que não tem compromisso com absolutamente nada a não ser o seu próprio intere$$e. E esse tipo de gente é que faz com que as pessoas coloquem todos os políticos em um mesmo saco.

Publicidade