Biblioteca Municipal receberá escolas para o lançamento do livro Karu

A Biblioteca Municipal Bernardo Guimarães receberá nesta segunda-feira (16), às 14h, o lançamento do livro “Karu – Cabeça encaracolada, ideia descolada”. A autora é Heliana Castro Alves, doutora da UFTM.O evento tem o apoio da Fundação Cultural, por meio da Coordenadoria de Políticas de Igualdade Racial, e contará com a presença de escolas.

De acordo com a autora do livro, Heliana Castro Alves, o livro surgiu a partir da necessidade de valorização da beleza negra nas escolas e principalmente considerando a Lei 10.639/11.645, que prevê o ensino da história da África, da cultura afro-brasileira e relações étnico-raciais nas escolas. “Ainda hoje vemos as manifestações de racismo, discriminação racial e preconceito no contexto escolar, que às vezes acontece de forma muito subliminar. Eu sempre fui muito sensível a esta questão e escrevi esta história, que está relacionada aos meus projetos de extensão e pesquisa na Universidade”.

Heliana explica que o livro, nas escolas que realizam a parceria, é levado em forma de lançamento e realização de algumas propostas para fomentar a temática. “Nosso objetivo é fazer um percurso pelas escolas, para poder levar o debate para as salas de aula. É um projeto que conta com o interesse das escolas em adquirirem o livro".

As escolas públicas e particulares interessadas em participar em receber o lançamento do livro podem entrar em contato com Heliana Castro Alves pelos telefones 3316-4128 e 98876-6893. O email é helianasolar@gmail.com.

Para a coordenadora de Políticas de Igualdade Racial da Fundação Cultural, Carmen Amâncio, o lançamento deste livro é importante para tornar acessível mais um instrumento de luta e fortalecimento da resistência negra. “A maior contribuição que a Heliana traz nesse momento é o debate sobre a relação entre classe e raça. O racismo tem que ser uma luta de todo mundo. Enquanto não for de todo mundo, a gente vai continuar reproduzindo o racismo”, destaca Carmen.

Além da apresentação do livro Karu, o evento terá a participação do Coletivo Afrontar-se e do grupo de teatro infantil “Pés em Cena”, da Escola Municipal Santa Maria. A professora de teatro e diretora do grupo, Ana Elisa Gonçalves, conta que a peça é uma adaptação do livro para obra teatral. “São 18 alunos envolvidos e a apresentação também conta com dança, poemas e música dentro do contexto afro-brasileiro. O grupo já tem 3 anos e já participou de mostras e festivais de teatro na cidade de Uberaba. Agradecemos o apoio da diretora da escola, Valéria Salgado, e da escritora Heliana”. 

Publicidade