98% dos pacientes aprovam o Hospital Regional

A avaliação faz parte da apresentação dos índices do primeiro ano de funcionamento do Hospital Regional José de Alencar

Índices sobre o primeiro ano de funcionamento do Hospital Regional José Alencar foram apresentados nesta sexta-feira (14) em comemoração ao primeiro ano de funcionamento. O balanço positivo foi apresentado pelo diretor administrativo da unidade, Frederico Guilherme Ramos na presença do prefeito Paulo Piau, do secretário municipal de Saúde, Iraci José Neto, de secretários e convidados que prestigiaram a data.

Segundo Guilherme Ramos os números comprovaram a efetividade nos atendimentos mostrando que o trabalho realizado pela equipe de frente e de todos os colaboradores do hospital está sendo muito bem executado, mesmo diante da crise econômica enfrentada no país.

Em suas palavras o prefeito Paulo Piau se emocionou ao se lembrar da crise enfrentada e falta de incentivo durante a construção e, depois para colocar em atividade o hospital.

“Estive três vezes no Ministério da Saúde, juntamente com o secretário Iraci Neto e do deputado federal Marcos Montes. Ouvimos que em torno de 450 a 500 unidades hospitalares estavam paradas no país, todas dependendo de recursos e mesmo assim conseguimos, mesmo que parcialmente, colocar o hospital em atividade. Não é uma tarefa fácil, mas a realidade da saúde pública municipal mudou bastante depois do Hospital Regional e isso comprova a importância que Uberaba tem em relação ao cenário estadual e federal”, diz o prefeito Paulo Piau que fez questão de agradecer o empenho de todos os envolvidos.

“Temos alegria em ter aberto o Hospital com a decisão do Ministério da Saúde, pelo Governo Federal, em colocar 50% do custeio”, relembrou o prefeito. De férias, o secretário Iraci Neto, fez questão de participar da ação em comemoração ao primeiro ano de funcionamento do Hospital Regional. Ele lembrou que desde as primeiras discussões sobre a abertura do Regional o prefeito sempre acreditou na equipe escalada e, sobretudo que mesmo com um atendimento reduzido no início, o hospital seria referência em qualidade e atendimento.

“Estou feliz com o atendimento do Hospital, porque ele foi pensado há 10 anos. Oito anos atrás eu tive a oportunidade de participar desse estudo e, já trabalhando na esfera pública, na Secretaria de Estado, participei da pedra fundamental e hoje o hospital é uma realidade. Além do mais, acompanhei desafio inicial e o comprometimento do nosso prefeito Paulo Piau, principalmente buscando a viabilidade financeira que se tornou uma realidade. Foi um ano de experiências positivas, de muita produtividade e qualidade, e hoje temos resultados sólidos, com base e estrutura em todos os eixos”, ressaltou.

O líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador Almir Silva parabenizou a coragem do prefeito Piau em colocar em funcionamento um hospital de tanta representatividade, mesmo sem incentivo, sendo grande parte mantida com recursos municipais.

Números - O balanço do primeiro ano de atividades do Hospital Regional comprovou a satisfação dos pacientes. Estão sendo oferecidos atualmente, para Uberaba e região – tendo o envolvimento financeiro direto por parte de outros oito municípios, 60 leitos disponíveis, UTI e blocos cirúrgicos completos. O HR atende casos de média complexidade de especialidades médicas e cirúrgicas, com ênfase na ortopedia.

Foram realizadas entre 2017/2018, 632 cirurgias, 1758 internações e um tempo médio de permanência de internação de quase seis dias. Sobre os indicadores na qualidade do atendimento recebidos pela ouvidoria a média de satisfação de 98%, comprovando a excelência do HR.

Vale destacar que o Hospital é gerido pela Fundação de Ensino e Pesquisa de Uberaba e pela Universidade de Uberaba (UNIUBE).

Publicidade