Saúde

Volta às aulas exige atenção com alimentação das crianças

Imagem ilustrativa

Especialistas alertam sobre a importância dos hábitos saudáveis para prevenção de problemas renais graves

Diante da correria do dia a dia, os pais optam pela praticidade dos lanches rápidos e produtos industrializados na hora de montar a lancheira das crianças. Mas, a facilidade dos alimentos e bebidas prontas esconde componentes que podem desencadear doenças na vida adulta, como por exemplo as doenças renais, que têm como principais causas o diabetes e a hipertensão arterial, ocasionadas especialmente pela obesidade e falta de hábitos saudáveis.

Uberaba não tem casos de meningite bacteriana confirmados em 2018

Confirmações são de casos virais. Oito casos ainda estão em investigação. Vacina contra a doença bacteriana está disponível em todas as unidades de saúde.

Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Departamento de Vigilância Epidemiológica e Informação, em parceria com Superintendência Regional de Saúde, trabalham na identificação e notificação de casos de meningite em Uberaba. Diretor de Vigilância em Saúde, Nelson Rannieri, explica que número de casos está caindo e não classifica como surto ou epidemia.

SMS tem serviço de transporte com ambulâncias para pacientes acamados realizarem tratamento

Foto: Neto Talmeli/PMU

Secretaria Municipal de Saúde de Uberaba, por meio da Central de Ambulâncias, oferece serviço de transporte gratuito para pacientes acamados ou com dificuldades de locomoção para realizarem tratamentos agendados. Mônica Yamauchi, responsável pela Central de Ambulâncias, explica que o serviço é oferecido de acordo com portaria que regulamenta o transporte desses pacientes.

 

HC-UFTM é incluído no Plano de Expansão da Radioterapia, do Ministério da Saúde

O Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro vai receber um acelerador linear mais moderno, que substituirá o equipamento atualmente em uso na instituição, adquirido em 1995. O investimento previsto é de R$ 1,9 milhão, oriundo do Ministério da Saúde - MS -, por meio do Plano de Expansão da Radioterapia, ao qual a unidade hospitalar foi inserida no início de fevereiro.

 

Diretores do Hospital Regional apresentaram balanço dos primeiros 5 meses de funcionamento

Imagem divulgação

O Diretor Administrativo do Hospital Regional José Alencar Frederico Guilherme Ramos, acompanhado do Dr Murilo Antônio Rocha, Superintendente, Dr Diego Amad Reck, Diretor Técnico e do Dr Felipe Gomides Dumont, apresentou dados estatísticos sobre o funcionamento do hospital, nos primeiros 5 meses, desde de sua abertura, ao Conselho Municipal de Saúde (CMSU), durante reunião na última quarta-feira (07), realizada na Secretária Municipal de Saúde. Os conselheiros tiveram acesso ao balanço de internações e procedimentos, como exames de imagem e laboratoriais, além de informações sobre treinamento e capacitação de funcionários e de credenciamento do corpo clínico.

UPAs fazem orientação sobre DSTs/AIDS e distribuição de camisinhas no pré-carnaval

Foto: Trinum Comunicação

As Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Uberaba, serão pontos de distribuição de preservativos até a próxima sexta-feira (09/02). A iniciativa é do Programa Multidisciplinar de Atendimento Humanizado (Promah), criado pela Fundação de Ensino e Pesquisa de Uberaba (Funepu), gestora das Unidades. O trabalho, que tem como objetivo apoiar a campanha de carnaval do Ministério da Saúde contra as DSTs/ Aids, é desenvolvido em parceria com a Centro de Testagem e Aconselhamento de Uberaba (CTA).

Clínica LEV em Uberlândia realiza procedimento inovador: “Bariátrica endoscópica”

Imagem divulgação

Apenas alguns médicos no Brasil fizeram curso na França, entre eles os cirurgiões Luís Augusto Mattar e José Américo Gomides de Sousa

Uberlândia foi uma das primeiras cidades do Brasil a realizar a “cirurgia bariátrica endoscópica”, um procedimento feito integralmente por endoscopia, sem cortes, com recuperação imediata e alta no mesmo dia. O procedimento é considerado pela classe médica mundial como uma das maiores revoluções para o tratamento da obesidade, haja vista que a obesidade é um grande problema de saúde pública.

Febre amarela apresenta risco às mulheres grávidas

Foto: Divulgação

A vacina deve ser tomada apenas com indicação médica  

 

O recente surto de febre amarela deixa as grávidas em alerta. A vacina durante a gestação deve ser avaliada pelo médico obstetra e também pelo infectologista. “A vacina conta com a presença de vírus vivos, o que merece cautela. Não existem evidências, em trabalhos científicos, que comprovem os malefícios às grávidas ou aos bebês, mas é exatamente pela falta de evidências, que recomendamos o máximo de cuidado”, explica o infectologista, Frederico Zago.

Páginas

Publicidade

Subscrever Saúde